O que é adtech?

Adtech é um termo amplo que categoriza o software e as ferramentas que agências, marcas, editores e plataformas usam para direcionar, fornecer e medir seus esforços de publicação digital.

As plataformas de software adtech ajudam marcas e agências a adquirir espaço publicitário. Além disso, elas ajudam os editores a definir o preço e a vender espaço publicitário.

Oracle Advertising

Deixe a melhor primeira impressão e construa sua marca sobre ela.

Por que a adtech é importante

US$ 646 bilhões

serão gastos no mundo todo em publicidade digital até 2024

Fonte: Worldwide Digital Ad Spending, 2021

A adtech é importante devido à grande quantidade de dinheiro investido em publicidade digital. Com esse volume, a adtech ajuda os compradores a otimizar os orçamentos e os vendedores a maximizar o fluxo de receita. A meta é obter melhores posições de anúncios, fornecer o conteúdo certo às pessoas certa e reduzir os gastos desnecessários. A adtech também fornece dados comportamentais abrangentes que podem ser usados para direcionar melhor o público em potencial e medir o sucesso da campanha. Graças aos insights orientados por dados de bilhões de interações com dispositivos de clientes, ela se tornou mais popular à medida que as empresas descobriram o quanto essas soluções são econômicas.

Tipos de adtech

DSP e SSP

Uma plataforma de demanda (DSP) é usada para comprar espaço publicitário online por meio de leilões de licitação em tempo real. As DSPs conectam anunciantes a redes de anúncios, avaliam o estoque disponível e garantem que os anúncios sejam direcionados ao público certo. Com uma DSP, os anúncios podem ser distribuídos em vários sites, economizando muito tempo e dinheiro e maximizando a eficácia da campanha.

Os editores usam uma plataforma de fornecimento (SSP) para vender anúncios de maneira programática. Uma SSP pode se concentrar em um tipo de publicidade ou fornecer aos compradores o acesso a uma ampla variedade de formatos. A SSP se conectará à troca de anúncios e disponibilizará o inventário do editor para as DSPs fazerem lances. Uma DSP pode enviar vários lances para uma SSP. Em seguida, a SSP seleciona o lance de preço mais alto como o vencedor e envia a peça publicitária (anúncio em banner, anúncio em vídeo, anúncio nativo, etc.) para o editor.

Troca de anúncios

Uma troca de anúncios é um mercado cujos participantes incluem plataformas de demanda e plataformas de oferta que facilitam a compra e venda automatizada de pontos de publicidade digital. Executada como um leilão em tempo real, oferece suporte à compra e venda de todas as formas de publicidade digital, incluindo anúncios em display, vídeo e nativos em todos os tipos de dispositivos.

Marketing de mecanismo de pesquisa (SEM)

Os mecanismos de pesquisa, como o Google, permitem que os anunciantes comprem espaço para palavras-chave específicas de alto valor (ou alto tráfego) que acham que atrairão novos clientes. Por exemplo, um serviço de jardinagem em Austin, Texas, pode colocar anúncios que aparecem nos resultados de pesquisa para "melhor serviço de jardinagem Austin".

Plataformas de gerenciamento de dados

Uma plataforma de gerenciamento de dados (DMP) abrange adtech e martech, atuando como uma plataforma unificadora para coletar e organizar todos os tipos de dados de público de qualquer origem. Com esses dados, as pessoas podem ser agrupadas em segmentos de público de acordo com os comportamentos.

Plataformas de publicidade nativa

As plataformas de publicidade nativa ajudam os anunciantes a distribuir conteúdo da Web de forma não invasiva para ajudar na descoberta de conteúdo. Um anúncio nativo não se parece com um anúncio, mas como parte do conteúdo da Web que está sendo visualizado. Os tipos de publicidade nativa incluem:

  • Recomendações de conteúdo
  • Anúncios no feed

Redes de anúncios

As redes de publicidade conectam marcas e agências (compradores do lado da demanda) aos editores (vendedores do lado da oferta). Por exemplo, uma rede de anúncios às vezes vende estoque diretamente para agências ou marcas e, outras vezes, compra estoque de anúncios não vendido ou remanescente de SSPs ou trocas de anúncios e os vende por um preço mais baixo.

Plataforma do servidor de anúncios

Um servidor de anúncios é usado por editores, agências e redes de anúncios para hospedar as peças publicitárias e, em seguida, entregá-las a pontos de publicidade comprados em sites/aplicativos. A sua função é definir qual anúncio exibir, o horário da exibição e em qual site/aplicativo móvel ele deve ser exibido.

Software de previsão de anúncios

Em vez de investir arbitrariamente em espaços publicitários caros, agora é possível fazer um orçamento de forma precisa e eficiente para compras de anúncios. O software de previsão de anúncios fornece às empresas insights sobre hábitos de consumo de mídia das pessoas e os custos aproximados de espaço publicitário para otimizar seus gastos com base em metas e objetivos.

Outros termos relacionados à adtech

Publicidade programática

A publicidade programática é a compra e venda automática de espaço publicitário digital. Editores, anunciantes e marcas podem comprar e vender anúncios automaticamente usando DSPs e SSPs.

Programática direta

A programática direta é um tipo de publicidade programática em que um editor ignora os leilões e reserva parte ou todo o estoque de anúncios para um comprador a um custo fixo. A compra ainda é feita automaticamente e o posicionamento do anúncio é feito de forma programática.

Licitação em tempo real

O lance em tempo real usa publicidade programática e adtech para automatizar a negociação de pontos de publicidade digital. Os anunciantes precisam comprar espaço publicitário. As organizações de mídia e/ou os editores precisam vender o estoque disponível. Com o recurso em tempo real, as empresas enviam lances de forma programática para competir pelo direito de exibir anúncios no site ou aplicativo de um editor. Anunciantes e editores usam trocas de anúncios para executar leilões usando plataformas de oferta e demanda. Milhões de pontos de publicidade podem ser vendidos e/ou comprados em segundos e, se uma empresa ganhar um lance, o anúncio será carregado instantaneamente no local do editor.

Adtech vs. martech

Adtech funcionando: descubra a medição de visibilidade

O software Adtech foi projetado para ajudar empresas e agências a criar, executar, medir e gerenciar campanhas de publicidade digital. Além disso, permite que os editores (sites e aplicativos) vendam seu espaço publicitário disponível para o maior número de anunciantes possível. Existem até plataformas adtech especializadas que lidam com ativação, verificação, visibilidade, medição e geração de perfis de público.

O software martech permite que os profissionais de marketing criem, executem, otimizem e gerenciem campanhas de marketing online por meio de marketing por email, teste A/B, personalização, programas de fidelidade dos clientes e análise da Web. Os sistemas de martech incluem:

Os ecossistemas martech e adtech são compostos por diversas plataformas diferentes. Embora algumas existam em ambos os setores - plataformas de gerenciamento de dados (DMPs), por exemplo - a maioria é exclusiva e específica para seus respectivos campos.

Adtech, martech e plataformas de dados de clientes (CDPs)

Uma plataforma de dados de clientes (CDP) pode potencializar estratégias de adtech de última geração e ajudar os profissionais de marketing a unificar dados do cliente para segmentação e criação de campanhas, implantação e suporte à medição. Considerando que identificadores habilitados para cookies de terceiros acabam desaparecendo, os dados proprietários terão um papel importante se os profissionais de marketing tiverem a estratégia certa e tiverem feito os investimentos certos em tecnologia. Uma plataforma de dados de clientes pode fornecer esse local central para ingerir e abrigar todas as fontes de dados primárias - de dados demográficos e transacionais - que residem em um sistema CRM ou em um data lake para dados comportamentais online coletados de sites e aplicativos móveis.

Benefícios da Adtech

Automação para eficiência e escala

Durante décadas, o setor de publicidade não sofreu mudanças, até recentemente. Hoje, a forma como os anunciantes colocam anúncios, como pagam por eles e a natureza física dos próprios anúncios mudou completamente. Porém, o objetivo é sempre o mesmo: alcançar um mercado-alvo dos consumidores e captar a sua atenção.

O crescimento da adtech foi impulsionado pela necessidade de eficiência e escala no campo de (agora) bilhões de interações online. A compra e venda de pontos de publicidade ainda são feitas em um mercado, mas a chegada da publicidade digital tornou todo o processo mais complexo. As plataformas automatizadas (DSPs e SSPs) são necessárias para lidar com a compra e venda real em grande escala. Além disso, as ferramentas adtech e martech estão se tornando cada vez mais conectadas para fazer com que as marcas e/ou empresas atinjam suas metas de monetização e marketing.

Benefícios da adtech e martech integradas

A adtech e martech se sobrepõem, mas permaneceram principalmente como dois conjuntos de soluções distintos com um objetivo comum: fornecer melhores experiências ao cliente. Sistemas desconectados geram uma complexidade desnecessária, tornando difícil para as empresas conhecerem bem seu público/cliente. A integração da adtech e da martech pode melhorar isso. Mais importante ainda, ajuda as empresas a projetar a jornada certa para cada pessoa, converter mais clientes e construir relacionamentos mais sólidos e duradouros. Além disso, um sistema adtech e martech integrado ajuda os anunciantes a:

  • Otimizar os investimentos em publicidade. Com os dados e o contexto certos , é possível conhecer seus clientes em potencial, incluindo os canais pelos quais eles preferem ouvir sua mensagem. Isso, por sua vez, ajudará a obter um retorno maior por cada impressão.
  • Crie uma visão 360 do cliente. Uma visão única do cliente nas funções de negócios permite criar experiências personalizadas em tempo real que podem atender às expectativas do cliente em constante mudança. Dessa forma, terá os perfis de cliente mais abrangentes possíveis para usar nas interações com o cliente.
  • Direcionamento preciso. As empresas podem aproveitar os dados pós-conversão (de seus sistemas de martech) para melhorar as iniciativas de direcionamento de anúncios. Combinar pontos de dados previamente isolados entre os sistemas ajuda a direcionar e segmentar o público melhor do que quando a martech e adtech funcionam separadamente.
  • Faça com que cada interação com a marca seja importante. Simplifique a experiência de cada cliente por meio de interações inteligentes e instantâneas que ocorrem em pontos de contato de publicidade, marketing, vendas e serviço.
  • Adicione IA à pilha de tecnologia. A redução da complexidade abrirá o caminho para o avanço das tecnologias de IA a fim de simplificar processos e ferramentas de trabalho, gerando maior eficiência para sua empresa.