Não foi possível encontrar uma correspondência para sua pesquisa.

Sugerimos que você tente o seguinte para ajudar a encontrar o que procura:

  • Verifique a ortografia da sua pesquisa por palavra-chave.
  • Use sinônimos para a palavra-chave digitada; por exemplo, tente “aplicativo” em vez de “software.”
  • Inicie uma nova pesquisa.

Tasmânia digitaliza o processo de vacinação do consumidor contra a COVID-19 com a Oracle Cloud

Um programa estadual para agilizar o acesso à vacinação

As autoridades de saúde pública do estado australiano da Tasmânia têm uma meta ambiciosa: vacinar todos os 541.000 residentes da ilha contra a COVID-19. Isso significa disponibilizar o máximo de vacinas possível e, ao mesmo tempo, monitorar com segurança o progresso da vacinação para ajudar a gerenciar o estoque e a demanda.

“Nessa batalha complexa e transitória contra a COVID-19, há um papel crítico para os dados, agora e em longo prazo.”

Cherie Ryan, Vice-Presidente e Diretora Geral Regional ANZ, Oracle

A Oracle Cloud simplifica consultas e registros de saúde

A tecnologia desempenha um papel fundamental: o Sistema de Gestão de Saúde do estado permite que os consumidores agendem a vacina online ou por telefone, usem o check-in digital na consulta e recebam um lembrete para agendar a segunda dose da vacina, se necessário. Os profissionais de saúde também usam o sistema para registrar o tipo de vacina administrada e criar ou atualizar um registro eletrônico de saúde exclusivo para cada pessoa vacinada.

O Oracle Health Management System Cloud Service garante que os governos locais e as instalações médicas possam acessar com segurança os dados sobre o programa de vacinação e registrar cada injeção aplicada no Registro de Imunização da Austrália. O Oracle Health Management System (HMS) foi desenvolvido primeiro para gerenciar testes, programas terapêuticos e de vacinação para COVID-19 nos Estados Unidos.

Os países africanos usam a Oracle Cloud para gerenciar seus programas de vacinação de febre amarela para COVID-19

O vírus da COVID-19 é novo, enquanto o vírus da febre amarela não, mas eles têm uma coisa terrível em comum: ambos causam mortes. Metade das pessoas que estão infectadas com febre amarela e desenvolvem sintomas graves morre em menos de duas semanas. Existe uma vacina eficaz, mas vacinar milhões de pessoas, criando milhões de registros de saúde e garantindo que ninguém deixe de ser vacinado é um enorme desafio.

É nessa hora que a Oracle pode ajudar. Em Gana, estamos trabalhando com o Tony Blair Institute for Global Change para fornecer às nações africanas um sistema de registros de saúde eletrônico moderno, baseado em nuvem, para ajudá-los a gerenciar seus programas de vacinação em grande escala, conter as principais doenças e salvar vidas.

“Esta é uma iniciativa muito empolgante e potencialmente inovadora para registrar informações sobre todas as vacinações e os tratamentos de doenças em países africanos.”

–Tony Blair, Presidente Executivo da TBI e Ex-Primeiro-Ministro da Grã-Bretanha e Irlanda do Norte

Juntos, estamos construindo o futuro da saúde

O sistema é totalmente compatível com os próximos lançamentos da vacina contra COVID-19, país por país, rastreando a imunização, testando e criando códigos QR para "passaportes de imunidade". A prova de imunização impulsionará as viagens e o turismo, ajudando a reabrir as economias. Nosso sistema se adapta às necessidades e escalas de cada país à medida que os programas de saúde pública aumentam e novos programas são adicionados. O Tony Blair Institute está atualmente negociando com mais de 30 países sobre a adoção do Oracle HMS para apoiar várias iniciativas de saúde pública.

Três países. Um sistema. Diversos usos críticos.

Oracle Partners com Gana

Estima-se que o vírus da febre amarela cause 200.000 casos da doença e 30.000 mortes a cada ano, com 90% ocorrendo na África. Gana está usando atualmente o Oracle HMS para gerenciar vacinas contra a febre amarela e seguirá com as vacinas do COVID-19 quando estiverem disponíveis. O programa deste ano tem como alvo 5,8 milhões de pessoas em todo o país. A primeira fase concentra-se no centro de Gana, onde mais de 70.000 pessoas foram vacinadas e registradas no Oracle HMS na primeira semana.

Mapa de Gana

Oracle Partners com Ruanda

A Ruanda usou o sistema da Oracle dar suporte à administração da vacina contra o papilomavírus humano (HPV) e seu primeiro lote de vacinas contra a COVID-19. O presidente Paul Kagame disse que a parceria é “um registro eletrônico digital de vacinas inovador que sinaliza a prontidão do continente para reabrir nossas economias com segurança ao comércio e ao turismo”.

Mapa de Serra Leoa

Parceria da Oracle com a Tasmânia

O governo da Tasmânia está usando o serviço em nuvem do Oracle Health Management System no governo para gerenciar seu programa de vacinação contra a COVID-19 em todo o estado. A Tasmania Health gerenciará mais de 45.000 consumidores usando o sistema Oracle, que será fundamental para oferecer suporte à meta do programa nacional de atingir todos os 541.000 residentes e relatar os registros de vacinação ao Registro de Imunização da Austrália.

Mapa da Tasmânia

O Oracle Health Management System é baseado em:

Oracle Cloud Infrastructure (OCI): oferece potência de computação de alto desempenho para executar com segurança as cargas de trabalho mais críticas.

Oracle Application Express (APEX): uma plataforma de desenvolvimento de baixo código que permite às pessoas criar aplicativos escaláveis e seguros.

Oracle Exadata Cloud Service: executa cargas de trabalho do Oracle Database na nuvem, melhorando a segurança, o desempenho e o tempo de atividade.