Não foi possível encontrar uma correspondência para sua pesquisa.

Sugerimos que você tente o seguinte para ajudar a encontrar o que procura:

  • Verifique a ortografia da sua pesquisa por palavra-chave.
  • Use sinônimos para a palavra-chave digitada; por exemplo, tente “aplicativo” em vez de “software.”
  • Inicie uma nova pesquisa.

O que é anúncio em banner?

O que é anúncio em banner? É criado a partir da utilização de pesquisas, do comportamento do site e dos dados transacionais como forma de criar uma experiência personalizada com esse tipo de anúncio.

Benefícios dos anúncios em banner

Mesmo que essa forma de publicidade, também chamada de publicidade flutuante, foi uma carta na manga dos profissionais por muitos anos. O valor desses anúncios para o mix de relacionamento do marketing é o mais alto já visto, por conta da criação de tecnologias de rastreamento de cookies. Veja um breve resumo do que isso significa para os profissionais de marketing.

Substitua os programas de envio em massa.

A tecnologia para banners digitais conseguiu se estabelecer no mercado, tornando-se tão personalizável, que os profissionais de marketing podem alcançar os consumidores com muito mais precisão. Esse processo é parecido com o caminho trilhado pelo e-mail. No mundo globalizado em que vivemos, os profissionais de marketing estão cercados por uma infinidade de dados para serem analisados, no entanto, a granularidade desses dados também cresceu em ritmo proporcional. A granularidade trouxe novas possibilidades para que os profissionais pudessem aumentar o retorno sobre o investimento. No entanto, para que os profissionais de marketing vejam retornos reais desses anúncios, é preciso combinar essa abordagem com e-mail e outros canais de forma automatizada e bem definida, colocando um ponto final à abordagem de envio em massa.

O conhecimento sobre o cliente é poder.

Mesmo que o retorno do marketing em banner seja menor do que por e-mail, vale destacar que a combinação dos dois podem elevar a receita. Você pode melhorar a eficiência da campanha adotando um ambiente de automatização de marketing que possibilite às equipes interpretarem as informações dos clientes e arquitetarem estratégias de marketing em canais cruzados. A mensagem é clara: para ter sucesso estrondoso, precisamos combinar as estratégias de e-mail e banner, a fim de saber o estágio de cada pessoa no ciclo de vendas.

Como encontrar a vaca leiteira do marketing.

Sabemos que o cenário atual é desafiador, os profissionais não podem se apoiar nessa premissa para diminuir o ritmo de trabalho. Para alcançarmos os clientes em meio a tantos desafios, precisamos inovar e focar na criação de campanhas bem delineadas. O "desafio" precisa ser convertido em "oportunidade". Podemos fazer a conversão com automatização e tecnologia. A partir daí, as equipes terão tempo e cabeça para criar novos programas estratégicos a fim de alavancar ainda mais os resultados.

Personalize os anúncios em banner

Os anúncios em banner começaram a trilhar o mesmo caminho do telemarketing. A sua derrocada já era prevista, afundando no mar infinito do marketing. Os banners começaram a perder espaço no mercado.

Mas, por quê? Simplesmente porque era o destino... Eles eram completamente o oposto do alcance que conhecemos hoje. Antigamente, a equipe de marketing precisava torcer muito para que alguém clicasse nos anúncios.

Mas algo aconteceu no meio do processo da mescla entre marketing e tecnologia. Até alguém ter a brilhante ideia de usar os dados na forma de linguagem corporal como meio de personalizar a experiência com os anúncios.

Nesse quesito a Google foi pioneira! Começou a vender espaço publicitário com base na pesquisa dos usuários, e acabou lançando o programa Google AdWords. Os profissionais de publicidade e propaganda, agora, tinham a possibilidade de pagar um determinado valor e ter a sua marca divulgada no topo e no meio da página, por meio de um banner, no mesmo momento em que os clientes precisassem dos serviços ofertados pelo anúncio.

Compra de anúncios programados

Com o número crescente de usuários na web, gerenciar a quantidade enorme de dados se tornou uma dor de cabeça. Migrando das trocas e servidores de anúncios para as empresas de repasse. Ficou aparente que o acompanhamento e a atribuição dos anúncios em banner ficaria impraticável.

Atualmente, existem soluções de compra de anúncios programados que conectam os profissionais e editoras/sites com o público-alvo por meio de leilões on-line do espaço públicitário em banners. Tudo feito em tempo real, sem contar o acompanhamento e a avaliação das vendas para cada anúncio em banner.

Descrição do passo a passo sobre anúncios em banners

Anúncios personalizados realmente funcionam, mas são eficazes somente quando o cliente está perto de finalmente fechar negócio. Veja a anologia a seguir para entender do que estamos falando:

Conhecer: comece pelos gostos mais genéricos

Este é o começo da pesquisa que o cliente faz sobre um produto ou serviço. Ela apenas está passando pelas opções: Será que ela quer aproveitar as praias de Pernambuco, ou visitar Toscana? Quando o visitante sair do site, sem fazer nenhum planejamento de viagem, um anúncio genérico é exibido em outro site. Nesse estágio dentro da jornada do cliente, os anúncios genéricos em banner servem como motivadores. Isso é o que o nosso cliente visualiza; em vez de um anúncio específico de um hotel que ela já tenha visto on-line.

A nossa interpretação inicial é de que o cliente ainda não definiu muito bem as suas preferências. Sendo assim, anúncios genéricos possuem melhor taxa de resposta, por exemplo, exibir anúncios sugerindo umas férias relaxantes.

Avaliação: comece a personalização.

A taxa de sucesso dos anúncios em banner aumenta, assim que o cliente começa a filtrar as suas preferências. O comportamento do cliente começa a ficar mais decisivo, observando as visitas em sites específicos, e não mais nos sites das companhias de viagem.

Em comparação, se um cliente viu a opinião de algum produto ou foi a um site de comparação, podemos observar um leve aumento na taxa de resposta a conteúdos personalizados, além de ter a certeza de que o cliente está prestes a tomar uma decisão.

Compra: perceba o potencial de ampliação das vendas

Os consumidores que analisaram primeiro as avaliações de viagens em um site não relacionado e tiveram anúncios específicos para os hotéis têm maior probabilidade de voltar para o site de viagens original e fazer uma reserva.

Os pesquisadores descobriram que as horas seguintes após um cliente fazer uma reserva de hotel é o tempo ideal para comercializar serviços auxiliares, como voos, aluguel de carros, entre outras atividades relacionadas. A isso damos o nome de "janela de ouro" das vendas.

Anúncios nativos vs. anúncios em banner

Lembra quando aqueles anuncios intrusivos e abusivos reinavam a internet? Seguido da explosão de anúncios na lateral das pesquisas do Google. Podemos continuar citando diversas inovações que causaram certo impacto no mundo dos anúncios. A inovação mais notória foi a introdução de publicidade nativa. Os profissionais interpretam esse termo de diversas maneiras. No entanto, anúncios nativos são uma forma mais contextualizada dos anúncios em banner, pois foram projetados para complementar a identidade visual da página web.

Anúncio nativo é um dos segmentos que mais cresce dentro do mercado de anúncios em banners. Em suma, anúncio nativo pode ser uma simples oferta, posicionada em uma página corporativa no Facebook. Podemos citar, por exemplo, o anúncio de uma mala de viagem que aparece no feed do Twitter de alguém que segue a Gol Linhas Aéreas.

Toda essa engrenagem faz parte de uma troca irrevogável do marketing em massa pelo marketing personalizado. Esse último usa anúncios personalizados, feitos especialmente para engajar os clientes.

Em geral, esses anúncios surgem através de conteúdos originais, e são apresentados de tal forma que não incomodam os clientes, mesmo que estejam cientes de que o anúncio possa mudar o seu foco. Fato é que os clientes querem se sentir engajados: 95% de usuários on-line entrevistados pela eMarketer, afirmaram que eles valorizam anúncios chamam a atenção.

Deixo aqui uma reflexão: por que os criadores de anúncios em banner estão prestando atenção, e bebendo da fonte, pegando alguns truques emprestados dos anúncios nativos e aplicando-os nos anúncios em banners. Auxiliados por enormes avanços na disponibilidade de dados do cliente, tecnologia interativa e plataformas móveis, os anunciantes gráficos estão fazendo anúncios mais inteligentes e dando nova vida a um meio que muitos deixaram para morrer. A eMarketer estima que as empresas dos Estados Unidos gastarão US$ 17,7 bilhões este ano em anúncios em banner, um salto de 18,2% em relação a 2012.

A melhor parte é que esses novos formatos de exibição, anúncios como plano de fundo, anúncios criados a partir de conteúdos, e anúncios em dispositivos móveis, podem ser baratos e fáceis de serem feitos e replicados.

Como os anúncios em banner e e-mail funcionam juntos

No mundo globalizado em que vivemos, os profissionais de marketing estão cercados por uma infinidade de dados para serem analisados, no entanto, a granularidade desses dados também cresceu em ritmo proporcional. A granularidade trouxe novas possibilidades para que os profissionais pudessem aumentar o retorno sobre o investimento.

É importante observar que embora o retorno do marketing em banner seja menor do que por e-mail, vale notar que a combinação dos dois podem elevar a receita. Para obter os melhores resultados, os profissionais de marketing devem interpretar as informações que mantêm sobre seus clientes e orquestrá-las em suas estratégias de marketing em canal cruzado. Observe as lojas de "tudo por 1 dólar", por exemplo. Ao oferecer anúncios de exibição oportunos e personalizados para clientes que receberam ofertas por e-mail, eles obtiveram um aumento de receita superior a 22%. A mensagem é clara: para ter sucesso estrondoso, é preciso combinar as estratégias de e-mail e banner. Não é física quântica, é apenas marketing inteligente.