Artigo técnico Você Está Pronto para a GDPR
GDPR: Quais São as Prioridades      para o Departamento de TI?

Geralmente, assume-se que a conformidade com a GDPR é "problema de TI", já que o setor é o grande responsável por manter dados pessoais e tecnologias. No entanto, a conformidade deve ser um compromisso de toda a organização. Nenhum departamento por si só pode fazer com que toda a organização entre em conformidade. No entanto, ao planejar discussões sobre a conformidade com a GDPR, existem áreas específicas nas quais a TI pode agregar bastante valor.

Seja um defensor dos dados

O valor potencial dos dados para as organizações cresce a cada instante; no entanto, muitos departamentos, unidades comerciais e até mesmo membros do conselho talvez não tenham noção da quantidade de dados à qual eles têm acesso, onde esses dados estão localizados, como são criados, como poderiam ser usados e como são protegidos. O departamento de TI exerce um papel claro ao ajudar organizações a entender por que os dados (e por extensão, a GDPR) são tão importantes e determinam a melhor forma de usá-los e protegê-los.

Garanta a segurança dos dados

A GDPR considera a proteção de dados pessoais um direito humano fundamental. É necessário que as organizações entendam a quais dados pessoais elas têm acesso e apliquem as medidas de proteção adequadas. A TI deve trabalhar com a organização para avaliar os riscos de segurança e garantir que as medidas de proteção adequadas (como criptografia, controles de acesso, prevenção a ataques e detecção) sejam tomadas.

Ajude a organização a ser responsiva

A GDPR exige que as organizações não só protejam os dados pessoais, mas também respondam às solicitações de pessoas que, entre outras coisas, desejam alterar ou excluir os dados que dizem respeito a elas. Isso significa que os dados pessoais desses indivíduos devem ser coletados, organizados e estruturados de maneira que permitam um controle seguro de todas essas informações, o que requer a eliminação de silos internos, bem como garantir que a organização tenha uma visão clara de suas atividades de processamento em relação a dados pessoais.

Identifique as melhores ferramentas para o trabalho

A conformidade com a GDPR abrange tanto o processo, a cultura e o planejamento quanto a tecnologia. No entanto, há produtos disponíveis que podem ajudar as organizações com elementos básicos da conformidade com a GDPR, tais como o gerenciamento de dados, a segurança e a aplicação automatizada de medidas de segurança. Os avanços em automação e inteligência artificial indicam que muitas ferramentas oferecem um nível de proatividade e dimensionamento que não diminuem a responsabilidade das pessoas dentro da organização, mas que podem reduzir a carga de trabalho e estabelecer uma abordagem capaz de acompanhar as mudanças nos requisitos de conformidade.

Perceba o potencial

Uma abordagem melhorada ao gerenciamento de segurança e conformidade, ideal para a economia digital, pode dar às organizações a confiança necessária para alcançar o potencial máximo dos seus dados. Se os dados estão mais seguros, organizados e compreensíveis, faz sentido que a organização possa fazer mais com eles. Pode ser tentador ver a GDPR como um obstáculo. No entanto, as empresas também devem lembrar que esta é uma oportunidade para se destacar no mercado e agregar mais valor, bem como criar novos modelos de negócios voltados para dados, com a segurança de que os dados estão sendo usados corretamente. Dar aos clientes a segurança para compartilhar dados pessoais também é bom para as empresas.

O departamento de TI sabe muito bem como obter o valor total dos dados e pode ajudar as empresas no sentido de desfazer a imagem ruim da GDPR, mostrando-a como uma oportunidade de melhorar os negócios.

Saiba mais sobre a GDPR e como a Oracle pode ajudar.


Mais Informações:

Estamos aqui para ajudar

Procure um Especialista em Vendas

Versão de teste

Experimente o Oracle Cloud

Inscreva-se por tópico