Nenhum resultado encontrado

Sua pesquisa não corresponde a nenhum resultado.

Sugerimos que você tente o seguinte para ajudar a encontrar o que procura:

  • Verifique a ortografia da sua pesquisa por palavra-chave.
  • Use sinônimos para a palavra-chave digitada; por exemplo, tente “aplicativo” em vez de “software.”
  • Tente uma das pesquisas populares mostradas abaixo.
  • Inicie uma nova pesquisa.
Perguntas Frequentes

Oracle Cloud: Encontrando o endereço de IP de uma VM de Oracle Public Cloud Service

Por Joel Pérez  & Franky Weber F. (OCE),
Postado em Fevereiro 2017

Objetivo Encontrar o endereço de IP de uma instância Oracle Cloud Service para se conectar à VM usando o Putty ou SOCKS Proxy.

Conceitos A maioria dos Oracle Public Cloud Services fornecem a você um endereço de IP para que você se conecte à VM de serviço através do Secure Shell (SSH). Este artigo guiará você para que encontre o IP de uma instância do Oracle Public Cloud Service para se conectar à VM com o Putty ou SOCKS5 Proxy. Alguns serviços como o Oracle Storage Cloud Service não fornecem acesso às suas VMs através de SSH. Ao invés disso você pode usar chamadas de REST APIs para acessar o serviço. Este artigo é para serviços na nuvem que permitem acesso SSH às VMs, sendo assim, você terá um IP para acessar via SSH.

Antes de partirmos para a prática vamos esclarecer o conceito de um endereço de IP na Oracle Cloud.

Um IP Reservation é um IP público que você pode atribuir a uma instância do Oracle Compute Cloud Service que requer acesso à internet. O endereço de IP público é reservado a partir de um pool de endereços de IP. Em uma assinatura de serviço mensurado com Oracle Java Cloud Service ou Oracle Database Cloud Service você é cobrado por reservas de endereços de IP, mesmo que eles não estejam associados a nenhuma instância. Então se você tem um endereço de IP reservado e não está usando, exclua-o para não pagar por ele.

Obs: Cada instância tem também seu endereço de IP privado. Quando uma instância é criada, seu endereço de IP privado é associado dinamicamente baseado numa faixa de endereços de IPs privados. Quando uma instância é reiniciada seu endereço de IP privado pode se alterar. Obs2: Instância e serviço são praticamente sinônimos neste artigo, em alguns momentos falaremos instância e em outros serviço.

Prática

Agora vamos ver como encontrar o endereço de IP de uma VM de Oracle Public Cloud Service.

1. Acesse a Oracle Cloud (https://cloud.oracle.com) e clique em My Services após selecionar o seu data center ou acesse o link recebido no e-mail de boas vindas.

2. No dashboard dos serviços, clique no ícone do menu e abra a console do serviço.

3. Clique na aba Services para acessar os detalhes e em seguida clique no nome do serviço que você quer saber o endereço de IP. No nosso caso é GG-ABC.

4. Copie o endereço de IP do campo Public IP na seção da VM. No nosso caso o endereço de IP é 10.241.227.104.

Obs3: Em alguns serviços a seção da VM é chamada de Node.

5. Acesse esta página de detalhes do serviço sempre que precisar de detalhes a respeito da VM e seus serviços associados. Por exemplo este serviço pode ter um Oracle Database Cloud Service associado, observe a seção Associated Services, então aqui você pode encontrar o nome deste serviço. Você não vai encontrar o endereço de IP de um serviço associado nesta página. A página de cada serviço tem somente os endereços de IP de seus próprios serviços.

Esperamos que este artigo seja útil nos seus estudos de Oracle Cloud. Continue acompanhando os próximos artigos.

Joel Pérez é um DBA (Oracle ACE Director, Maximum Availability OCM, OCM Cloud Admin. & OCM12c/11g) Especialista com mais de 16 anos de experiência real no mundo da tecnologia Oracle, especializada na concepção e implementação de soluções: Nuvem, alta disponibilidade, recuperação de desastres, Upgrades, replicação e toda a área relacionada com bancos de dados Oracle. Joel serve como "Chief Technologist & MAA, TEM Architect" para www.Enmotech.com Yunhe ENMO (Beijing) Technology Co. Ltd. Beijing, China.

Franky Weber Faust atua como administrador de banco de dados Oracle e MySQL no PagSeguro, tem 26 anos, é graduado em Tecnologia em Bancos de Dados e iniciou sua carreira trabalhando num projeto internacional da Volkswagen com os bancos de dados DB2 da IBM, SQL Server da Microsoft e também com o Oracle e desde o início direcionou seus estudos para as tecnologias Oracle. É especialista em tecnologias de Alta Disponibilidade como RAC, Dataguard e GoldenGate e compartilha seus conhecimentos no blog loredata.com.br. Possui as certificações OCE SQL, OCA 11g, OCP 12c, OCS RAC 12c e OCS Linux 6.

Este artigo foi revisto pela equipe de produtos Oracle e está em conformidade com as normas e práticas para o uso de produtos Oracle.