Não foi possível encontrar uma correspondência para sua pesquisa.

Sugerimos que você tente o seguinte para ajudar a encontrar o que procura:

  • Verifique a ortografia da sua pesquisa por palavra-chave.
  • Use sinônimos para a palavra-chave digitada; por exemplo, tente “aplicativo” em vez de “software.”
  • Inicie uma nova pesquisa.

O que é planejamento financeiro?

O planejamento financeiro, também conhecido como planejamento empresarial conectado, permite que as empresas modelem a direção estratégica e tomem ações para otimizar o desempenho financeiro e comercial. Essa abordagem visa o futuro e é usada para ajudar as finanças a orientar o negócio e, assim, alcançar sua estratégia. O planejamento financeiro abrange planos de longo prazo, modelagem de cenários, orçamento e previsão anuais, relatórios ad hoc e análises.

Conecte o planejamento da empresa à Oracle Fusion Cloud (1:52)

O departamento financeiro usa o planejamento para comunicar a estratégia e os objetivos gerais da empresa para as linhas de negócios e operações. O departamento financeiro é um parceiro de negócios e trabalha com outras áreas para desenvolver planos anuais, como de vendas e marketing, de projeto, de força de trabalho e outras iniciativas de planejamento operacional que contribuem para as metas financeiras de uma organização .

Ao longo dos últimos anos, o planejamento financeiro evoluiu de uma atividade periódica para um processo contínuo que leva em consideração o desempenho histórico, ajustando os direcionadores ao longo do caminho para garantir que a empresa permaneça no objetivo para atingir suas metas financeiras. Para acomodar essa mudança, as aplicações de planejamento financeiro precisam se alinhar com outros sistemas, como HCM, ERP, cadeia de suprimentos e operações, para criar planos para uma visão conectada de toda a organização.

A planilha financeira — Ela ainda é usada no planejamento?

Apesar da disponibilidade de software de planejamento e orçamento para toda a empresa, muitos profissionais de finanças ainda usam planilhas. Mas as planilhas financeiras são inerentemente difíceis para o planejamento com visão de futuro por vários motivos. Primeiro, as planilhas apresentam inúmeros riscos, como falta de auditoria e segurança, aumento do erro humano, várias versões sem governança e muito mais. Com planilhas, os dados demoram mais para serem coletados, de modo que podem ficar desatualizados facilmente no momento em que são adicionados. As organizações ficam com quadros muito limitados de seus planos financeiros e operacionais.

As planilhas de planejamento financeiro são desconectadas e segmentadas em diferentes áreas da empresa, por isso é muito difícil ter uma visão clara para planejar em toda a organização. É difícil acompanhar várias planilhas, com várias macros e links de uma planilha para outra.

Mas, talvez o mais importante, as planilhas nunca foram projetadas para lidar com os requisitos atuais de planejamento, orçamento, previsão, relatórios e análise de toda a empresa. Elas são difíceis de baixar para um ERP ou outro sistema organizacional. E também não incorporam tecnologias avançadas que podem alavancar várias fontes de dados e recursos preditivos, como análises hipotéticas detalhadas.

Histórico do planejamento financeiro

Historicamente, o planejamento financeiro era um processo muito manual e desconectado das outras áreas do negócio. Pouco ágil ou preciso, o planejamento financeiro de ontem era feito apenas trimestralmente e/ou anualmente. Normalmente, isso era feito em uma infinidade de planilhas do Excel que apresentavam riscos em torno de segurança, erro, velocidade e imprecisão. Por causa das informações imprecisas e datadas, muitas vezes era difícil prever e ajustar com precisão em relação às mudanças mais imediatas nos negócios.

Gráfico mostrando o modelo de maturidade de planejamento e previsão da previsão manual limitada pelo viés e capacidade humana à previsão orientada por dados em grande escala
A evolução dos métodos de planejamento e previsão para planejamento e análise financeira (FP&A)

Algumas organizações viam o planejamento como um exercício anual que precisava ser feito, em vez de uma tarefa de valor agregado que poderia ser usada para realmente orientar os negócios.

Roteiro de software de planejamento financeiro

Em contraste, o planejamento financeiro de hoje é orientado por dados. O planejamento passou de uma atividade periódica tipicamente realizada pelo departamento financeiro para um processo mais contínuo e conectado. O planejamento financeiro está se tornando cada vez mais preditivo, incorporando a ciência de dados e usando as melhores práticas e métodos para se concentrar não apenas no que aconteceu ou está acontecendo atualmente, mas por que e como está acontecendo e o que provavelmente acontecerá no futuro.

O planejamento financeiro evoluiu ao longo dos anos, de um processo de entrada manual para um processo mais orientado por dados que também pode incorporar machine learning, IA e outras tecnologias avançadas. As decisões de planejamento e previsão costumavam ser baseadas em tendências históricas; agora, a previsão inclui previsões de machine learning com base em vários pontos de dados, cenários e tendências para um processo de planejamento ainda mais ágil e preciso.

Planejamento e criação de relatórios

O software de planejamento e orçamento existe há mais de 25 anos, mas evoluiu significativamente de soluções on premises ou baseadas em cliente/servidor para soluções baseadas na nuvem. Isso permite que o software seja amplamente utilizado em toda a organização em finanças, linhas de negócios e operações para fornecer um plano empresarial totalmente conectado.

Ao escolher uma ferramenta de planejamento e orçamento para sua organização, há cinco pontos principais que você deve considerar:

1. Inteligência de planejamento integrada e estruturas de planejamento de melhores práticas

Uma solução de planejamento e orçamento não deve ser apenas uma tela em branco para modelagem, mas também deve conter práticas recomendadas que você pode começar a usar imediatamente, como inteligência de planejamento e recursos integrados para planejamento preditivo, orçamento baseado em drivers, modelagem de cenários hipotéticos, sandbox, orçamento de baixo para cima/de cima para baixo, aprovações e fluxos de trabalho.

Além disso, você deve esperar módulos específicos e suportados, como planejamento de longo prazo, planejamento da força de trabalho, de ativos de capital e das finanças do projeto, que são módulos totalmente funcionais, projetados para funcionar em conjunto e perfeitamente integrados aos seus processos de planejamento existentes.

2. Recursos que abrangem finanças, operações e planejamento de linha de negócios

Você deve procurar uma plataforma de planejamento conectada que seja uma solução verdadeiramente abrangente, fornecendo não apenas planejamento financeiro, mas também planejamento e modelagem operacional para atender a linhas de negócios, como RH, TI , cadeia de suprimentos e vendas. Isso deve ser desenvolvido e mantido por seu fornecedor de software e não ser simplesmente um complemento disponível em um "marketplace".

3. Os usuários podem realizar modelagem financeira e operacional em larga escala e de forma livre

As demandas dos modelos de negócios ágeis e acelerados de hoje exigem a capacidade de modelar facilmente cenários financeiros e operacionais. Um recurso chave por trás disso é a capacidade do sistema de receber e processar grandes volumes de dados para serem usados na modelagem de forma livre. É fundamental ter um poderoso mecanismo de back-end para lidar com a grande quantidade de dados que as empresas usam para essas análises. Isso é essencial para que uma solução de planejamento e previsão cumpra as promessas sobre modelagem ad hoc. Além disso, certifique-se de que a escalabilidade em grandes volumes de dados e usuários possa ser facilmente tratada.

4. Gerenciamento robusto e relatórios financeiros

Reportar pode se referir a fazer muitas coisas diferentes. Você pode querer fazer análises ad hoc, pormenorizando seus dados. Você pode querer usar um painel padrão para as atualizações de status. Você provavelmente ainda precisa de um pacote padrão de relatórios de alta resolução que podem ser facilmente impressos.

A maioria das organizações está procurando modernizar e simplificar seus relatórios de gerenciamento, adicionando elementos narrativos colaborativos ao preparar seus pacotes de relatórios. Certifique-se de que os sistemas de planejamento possam fazer tudo isso de fato, não apenas como demonstração.

Uma solução abrangente de planejamento de EPM deve cobrir todos os requisitos de relatórios, incluindo painéis, análises ad hoc, demonstrações financeiras de alta resolução e relatórios narrativos completos. Tudo isso deve possível por meio de navegadores, dispositivos móveis e outras ferramentas familiares. Todos os requisitos de relatórios, desde livros orçamentários complexos, com narrativas até análises ad hoc, devem estar disponíveis em interfaces de planilha com as quais os profissionais de finanças estejam familiarizados e possam usar com facilidade. Esse tipo de flexibilidade é importante porque a natureza em constante mudança dos negócios globais exige muitas análises ad hoc e não deve comprometer a segurança dos dados.

Invista mais tempo na tomada de ações com o Oracle Cloud EPM Insights (1:05)

5. Análise automatizada de dados financeiros por meio de machine learning incorporado

Tecnologias emergentes, como machine learning, estão mudando rapidamente as práticas de negócios. Por meio do uso da ciência de dados, a análise preditiva pode descobrir correlações, discrepâncias ou exceções que uma pessoa sozinha não seria capaz de reconhecer. Ela pode melhorar significativamente a precisão do planejamento e reduzir bastante o tempo gasto em processos de planejamento e análise de dados. Concentre-se em agir sobre anomalias e discrepâncias e remova o viés de suas previsões, aproveitando a ciência de dados integrada, sem a necessidade de cientistas de dados.


Orçamento

Um orçamento requer a análise e a comparação do desempenho financeiro real versus o esperado para determinar como alocar os gastos para a organização.

Os elementos dos orçamentos da maioria das empresas incluem:

  • Orçamentos de despesas
  • Orçamentos de despesas de capital
  • Orçamentos de receita detalhados
  • Orçamentos de fluxo de caixa
  • Orçamentos de manufatura detalhados

Orçamento base zero

O orçamento base zero é uma disciplina orçamentária que normalmente é usada para otimizar custos dentro de uma organização. Isso se baseia em uma prática em que todos os custos devem ser orçados e justificados em um nível muito granular. Os orçamentos anteriores são desconsiderados e todos os orçamentos são iniciados a partir de uma base zero (sem considerar os custos anteriores). Isso geralmente é visto como um processo de corte de custos, mas pode ser usado para garantir que os recursos estejam focados em atividades geradoras de receita.

Orçamento de cima para baixo vs. orçamento de baixo para cima

Uma abordagem de cima para baixo envolve a alta administração desenvolvendo um orçamento de alto nível para toda a organização e alocando as metas de uma visão corporativa para um plano operacional em um nível inferior de departamento ou de controlador do orçamento. Com uma abordagem de baixo para cima, o processo começa com os departamentos individuais ou controladores do orçamento criando um orçamento e, em seguida, enviando-o para os envolvidos do nível superior para aprovação.

Previsões

Previsões referem-se a um processo em que os ajustes são feitos periodicamente ou continuamente com base no desempenho em relação às metas orçamentárias. Trata-se de um processo de modelagem e implementação de ajustes financeiros e operacionais para um melhor alinhamento com as metas alocadas. Esse processo também é conhecido como orçamento contínuo.

Diferença entre orçamento e previsão

Um orçamento descreve a expectativa financeira para o que uma empresa deseja alcançar para um período específico no futuro. Ele ajuda a definir a base financeira para planejar como uma organização pode executar sua estratégia ou planos de longo prazo. O orçamento de uma empresa geralmente é reavaliado periodicamente, na maioria das vezes semestral ou anualmente. Um orçamento inclui:

  • Estimativas de receitas e despesas
  • Fluxos de caixa esperados
  • Redução da dívida esperada
  • Benchmarks para comparar os resultados reais com o desempenho esperado

Em contraste, uma previsão financeira faz ajustes no plano com base no desempenho passado para realinhar prioridades, metas e ações para garantir que o orçamento anual possa ser alcançado. Uma equipe de gerenciamento pode usar a previsão financeira e tomar medidas imediatas com base nos dados reais. Uma previsão é desenvolvida e reavaliada com muito mais frequência do que um orçamento. Em muitos casos, a previsão é um processo contínuo ao longo do ano.

Métodos de previsão financeira

Existem diferentes métodos de previsão financeira que usam previsão qualitativa, previsão quantitativa e uma combinação dos dois.

Planejamento de cenários

Um tipo de modelagem financeira é o planejamento de cenários, um processo no qual os funcionários de FP&A mapeiam os cenários de melhor, esperado e pior caso para colocar a empresa na melhor posição financeira. Com base nesses resultados, as organizações podem identificar etapas para responder a diferentes resultados. Essas projeções também podem ajudar a planejar o quadro de funcionários, desacelerações do mercado, projetos, lançamentos de produtos, despesas de capital e outros investimentos.

Simulações de Monte Carlo

As simulações de Monte Carlo são usadas para modelar a probabilidade de diferentes resultados em um processo que não pode ser facilmente previsto. Às vezes, as simulações são usadas para entender o impacto do risco e da incerteza em previsões e modelos de previsão. Você pode usar simulações de Monte Carlo para determinar a probabilidade de vários cenários, garantindo confiança em suas decisões.

Método de previsão linear

Esse método é comumente usado quando a taxa de crescimento da empresa é constante, para obter uma visão direta do crescimento contínuo na mesma taxa. Ele envolve apenas matemática básica e dados históricos. Em última análise, ele fornece previsões de crescimento que podem orientar as metas financeiras e orçamentárias.

Método de previsão de média móvel

Uma média móvel é o cálculo do desempenho médio em torno de uma determinada métrica em prazos mais curtos do que períodos lineares, como dias, meses ou trimestres. Ela não é usada para períodos de tempo mais longos, como anos, porque isso cria muito atraso para ser útil no acompanhamento de tendências.

Método de previsão de regressão linear simples

É usado para traçar uma linha de tendência com base na relação entre uma variável dependente e uma independente. Uma análise de regressão linear mostra as mudanças em uma variável dependente no eixo y para as mudanças na variável explicativa no eixo x. A correlação entre as variáveis X e Y cria uma linha de gráfico, indicando uma tendência, que geralmente se move para cima ou para baixo, ou se mantém consistente.

Método de previsão de regressão linear múltipla

Este método usa mais de duas variáveis independentes para fazer uma projeção. Basicamente, a regressão linear múltipla (RLM) cria um modelo da relação entre as variáveis explicativas independentes (parâmetros) e a variável de resposta dependente (resultado).