Perguntas frequentes sobre a migração do Oracle Database para a OCI

Conheça

Qual é a estratégia da Oracle para migração de banco de dados?

A Oracle está empenhada em fornecer um caminho de atualização e migração simples, automatizado e sem interrupções de todas as versões de nosso banco de dados para as versões e plataformas mais recentes. Nossos métodos de migração abrangem uma ampla gama de necessidades operacionais, desde backup e restauração offline tradicionais até operações online sem tempo de inatividade mais sofisticadas.

Onde posso encontrar informações específicas sobre a migração do Oracle Database?

O primeiro link abaixo fornece uma visão geral das etapas de migração, consultores de planejamento, ilustrações de fluxos de trabalho de métodos de migração predefinidos e suas tecnologias de componentes. Você verá que cada método de migração tem uma visão geral, arquitetura de referência, guias técnicos passo a passo, orientações do Oracle LiveLab e documentação.

Saiba mais com as referências a seguir:


Terminologia

Qual é a diferença entre uma migração e uma atualização?

Uma atualização de banco de dados, como a do Oracle 19c para o Oracle 23c, aprimora o sistema de software do banco de dados e os metadados associados, mas deixa os dados do cliente no lugar. Como alternativa, uma migração de banco de dados move os dados para uma nova plataforma, como a migração de servidores on-premises para Oracle Database Cloud Services na OCI e Cloud@Customer.

Normalmente, as migrações de versões mais antigas para as mais recentes entre sistemas operacionais e migrações de conjuntos de caracteres também exigem atualizações. No entanto, há alguma flexibilidade na sequência de atualizações executadas; elas podem acontecer antes, durante ou depois de uma migração. Essa sequência será baseada em fatores comerciais e técnicos, conforme descrito no Guia de atualização do Oracle Database (PDF) e na Cloud Premigration Advisor Tool.

Quais são os métodos de migração da Oracle?

A Oracle oferece suporte a quatro métodos de migração.

Movimentação de dados Continuidade de negócios (online) Continuidade de negócios (offline)
Físico
Lógico

As opções de continuidade de negócios permitem que as aplicações permaneçam online durante a migração. Os métodos online significam que, após um carregamento inicial de dados mais antigos, os dados mais recentes são capturados em tempo real e, em seguida, aplicados de forma incremental ao banco de dados de destino. Em um momento apropriado, ocorre uma alternância final e o banco de dados de destino migrado torna-se o único banco de dados. Um método offline significa que o banco de dados é migrado em uma operação.

As opções de movimentação de dados oferecem uma compensação entre velocidade e flexibilidade. O método físico permite migrações com tempo de inatividade mínimo ou sem e conta com o Oracle Recovery Manager e o Oracle Data Guard, que normalmente são usados para backups incrementais e recursos de recuperação tolerantes a falhas. O método lógico é necessário para atualizações de versão e mudanças de plataforma, pois exporta dados em um formato legível que permite que os dados e metadados sejam gerenciados durante um fluxo de trabalho de migração.

Esses métodos de migração estão descritos no resumo técnico do Zero Downtime Migration.


Estratégia

Quais são os casos de uso típicos de migração?

Há muitas razões comerciais e técnicas para migrar bancos de dados, como reduzir o custo de propriedade com escalabilidade automática de recursos ou reduzir riscos ao aumentar a automação administrativa e de segurança. Com o Oracle Database, a migração de on-premises para a nuvem oferece muitas opções de serviços gerenciados, como Oracle Base Database Service (Standard Edition ou Enterprise Edition), Oracle Exadata, Oracle Autonomous Database e Oracle Cloud@Customer.

Casos de uso da nuvem Reduza o TCO Reduza o risco comercial
  • Migre aplicações de produção
  • Replique dados para desenvolvimento e teste
  • Forneça bancos de dados stand-by
  • Elimine a atualização de hardware
  • Dimensione recursos automaticamente
  • Reduza tarefas administrativas
  • Forneça alta disponibilidade
  • Aumente a automação orientada por ML
  • Aumente as proteções de segurança
Alguns exemplos de casos de uso de migração da Oracle Cloud Infrastructure e os benefícios comerciais associados.

Como escolho a melhor estratégia de migração?

A melhor estratégia de migração considera fatores de planejamento comerciais e técnicos. A Oracle oferece soluções automatizadas que simplificam e agilizam os fluxos de trabalho de atualização e migração usando utilitários da Oracle incorporados, opções de Oracle Database e produtos de suporte. Os DBAs também podem projetar seus próprios fluxos de trabalho de migração usando os mesmos utilitários do Oracle Database. Os consultores de planejamento da Oracle recomendam o melhor método de migração para quase todos os cenários. E lembre-se: a Oracle e seus parceiros são ótimos recursos para ajudar você a escolher a melhor estratégia.

Consultores de planejamento Fatores comerciais Fatores técnicos
  • Avalie completamente as propriedades de bancos de dados
  • Aconselhe sobre a seleção de serviços de nuvem
  • Aconselhe sobre métodos de migração
  • Execute diagnósticos de compatibilidade de banco de dados
  • Tempo de inatividade
  • Desempenho
  • Impacto da aplicação
  • Simplicidade
  • Versão e plataforma
  • Recursos avançados
  • Tamanho do banco de dados
  • Habilidades do DBA

Qual deve ser meu banco de dados de destino?

Seu melhor banco de dados de destino deve corresponder aos seus requisitos operacionais, econômicos e de custo de propriedade. Os requisitos típicos incluem minimizar a interrupção das operações atuais e melhorar o desempenho, a escalabilidade e a recuperação de desastres, reduzindo o TCO geral e os custos por hora de tempo de execução.

Por um lado, você pode simplesmente migrar para um serviço de nuvem equivalente para suas plataformas on-premises, como Oracle Base Database Service ou Oracle Exadata Cloud Service. Ou você pode atualizar sua plataforma operacional de banco de dados e aproveitar as vantagens do Oracle Exadata, líder do setor em processamento de transações, consolidação de banco de dados e armazenamento de dados, ou do Oracle Autonomous Database na plataforma Exadata, adicionando mais automação e reduzindo o custo de propriedade.

Compare as soluções do Oracle Cloud Database para atender aos seus requisitos com o banco de dados e a plataforma apropriados e, em seguida, ajuste suas escolhas com o consultor de serviços de banco de dados.

Existe uma maneira eficiente de avaliar a complexidade da migração para toda a propriedade do meu banco de dados?

Sim. O Oracle Estate Explorer cataloga e analisa seu banco de dados e avalia com segurança suas características técnicas para migrar para a plataforma Autonomous Database. Você pode avaliar a propriedade do seu banco de dados atrás de seu firewall sem compartilhar dados ou metadados com a Oracle.


Perguntas comuns

Qual é a diferença entre o Recovery Manager e o Data Pump para transferir dados como um método de migração?

O Oracle Recovery Manager é o utilitário de backup, restauração e recuperação do Oracle Database. Uma de suas principais características é que ele também captura backups incrementais, ou seja, alterações feitas no banco de dados de origem após o início do processo de backup. O Oracle RMAN é usado para métodos de migração física.

O Data Pump é usado para exportar dados e seus metadados para XML. No entanto, ao contrário do Oracle RMAN, assim que você inicia o processo de exportação (backup), novas transações na origem não são capturadas. Esse método é útil para transferir dados e seus metadados quando o banco de dados de origem estiver offline ou se a migração incluir uma atualização do banco de dados. O Data Pump é usado para métodos de migração lógica.

O Real Application Testing ou o SQL Performance Analyzer são úteis em fluxos de trabalho de migração?

Sim. O Oracle Real Application Testing é uma opção do Oracle Database útil para validar migrações e está disponível independentemente do Enterprise Manager. Inclui o SQL Performance Analyzer e o Database Replay. O licenciamento é necessário ao usar esta opção com bancos de dados on-premises. Consulte as informações de licenciamento, Seção 1.4, Tabela 1-15 em Oracle Real Application Testing.

Além disso, o Enterprise Manager inclui um pacote de gerenciamento complementar do Real Application Testing com cinco recursos principais: Database Replay, SQL Performance Analyzer (SPA), Workload Analysis, Database Migration Planner e Database Migration Workbench. Confira as informações de licenciamento do pacote de gerenciamento do Real Application Testing aqui.

O workbench de migração de banco de dados do Enterprise Manager incorpora o SQL Performance Analyzer em seus fluxos de trabalho de migração. Se o Real Application Testing estiver presente, as opções de menu do SQL Performance Analyzer no workbench de migração do banco de dados do Enterprise Manager ficarão disponíveis.

Posso trazer nossas licenças de banco de dados on-premises para a OCI?

O programa BYOL (Bring Your Own License) oferece incentivos financeiros e funcionais abrangentes que permitem que você gaste menos e faça mais ao migrar suas licenças de banco de dados para serviços de nuvem do OCI Database. A transferência de licença foi projetada para ajudar você a modernizar seus investimentos na Oracle com melhor custo-benefício e menor custo total de propriedade. O Oracle Support Rewards é um benefício complementar que oferece créditos de suporte anuais para cada dólar gasto na OCI. A Oracle também reduz o risco da migração com automação e serviços da Oracle e de terceiros.

Saiba mais nas Descrições do serviço Oracle PaaS e IaaS Universal Credits e nas Perguntas frequentes sobre BYOL.