Nenhum resultado encontrado

Sua pesquisa não corresponde a nenhum resultado.

Sugerimos que você tente o seguinte para ajudar a encontrar o que procura:

  • Verifique a ortografia da sua pesquisa por palavra-chave.
  • Use sinônimos para a palavra-chave digitada; por exemplo, tente “aplicativo” em vez de “software.”
  • Tente uma das pesquisas populares mostradas abaixo.
  • Inicie uma nova pesquisa.
Perguntas Frequentes

O que é Multicloud?

Por que a multicloud pode ser a solução certa para sua empresa

O que é multicloud? Para empresas que buscam otimizar recursos e gastos com infraestrutura em nuvem, uma configuração multicloud pode ser a melhor abordagem em qualquer contexto. A multicloud se refere ao uso de diversas instâncias de várias nuvens de diferentes fornecedores. Com a multicloud, o uso de diferentes fornecedores significa acesso a diferentes recursos, infraestrutura subjacente, segurança e outros elementos específicos às ofertas do fornecedor. A Multicloud une tudo isso, permitindo que empresas e organizações tenham acesso a todos os fornecedores para que os dados possam ser colocados em um ambiente mais adequado para seus recursos.

Um exemplo de plataforma de infraestrutura como serviço capaz de funcionar em um ambiente multicloud é a Oracle Cloud Infrastructure (OCI). Para esse caso específico, a OCI e o Microsoft Azure trabalham perfeitamente juntos, com base em uma parceria de interoperabilidade que permite a migração e a execução de cargas de trabalho empresariais no Azure e na Oracle Cloud.


Para explorar ainda mais esse exemplo de configuração multicloud, mostraremos um exemplo real da parceria entre a OCI e o Azure. A Gap, varejista de roupas reconhecida internacionalmente, executou aplicativos personalizados nos bancos de dados Azure e Oracle. A colaboração entre a Oracle e a Microsoft possibilitou maior interoperabilidade multicloud, permitindo um escalonamento mais fácil e recursos de entrega em todos os canais. Nesse caso, a Gap usou uma configuração de várias nuvens em diferentes fornecedores para otimizar o acesso, a conectividade e a governança de usuários para uma experiência de usuário mais eficiente.

Por que multicloud?

Se a multicloud for viável para a sua organização, quais são as razões para adotá-la? A Multicloud oferece muitos benefícios, incluindo:

  • Não se limitar a apenas um fornecedor para serviços específicos
  • Opções de recuperação de desastres mais robustas
  • Migração facilitada
  • Escalabilidade e agilidade facilitadas
  • Capacidade de aproveitar preços competitivos ou concorrência emergente de serviços

Um provedor forte para suas necessidades multicloud deve ter a capacidade de executar cargas de trabalho corporativas, oferecendo flexibilidade e versatilidade. Isso inclui a operação de cargas de trabalho de alto desempenho ou bancos de dados específicos ou pilhas de virtualização. Na melhor das hipóteses, as empresas envolvidas em um cenário multicloud podem otimizar o serviço, o preço e os recursos, mantendo a flexibilidade e garantindo a segurança e a interoperabilidade dos dados. Isso requer uma série de considerações, mas quando feito corretamente, a implantação de várias nuvens pode aumentar a capacidade da organização prosperar.

Multicloud vs. nuvem híbrida vs. intercloud

O uso de múltiplas plataformas de computação e dados não é novo - muitas empresas implantaram infraestrutura local em grandes datacenters que atendiam a vários casos de uso. Atualmente, a forma como os departamentos de TI selecionam seu caminho multicloud depende de suas necessidades específicas. Cada opção oferece prós e contras; a multicloud pode fazer coisas que nuvens híbridas não podem, e o mesmo se aplica à intercloud. Veja as características exclusivas de cada uma delas:

  • Multicloud: conforme mencionado acima, a multicloud é uma configuração em que vários fornecedores de nuvem são usados por uma única organização. Idealmente, as nuvens oferecem interoperabilidade e conectividade para garantir que os usuários possam acessar ambas facilmente. No entanto, este é um dos desafios mais importantes na configuração de uma multicloud bem-sucedida. Uma maneira fácil de pensar sobre multicloud é em relação à sua TV: Netflix, Amazon Prime e HBO Max são serviços diferentes de streaming na nuvem, contratados por um membro da família.
  • Nuvem híbrida: as nuvens híbridas usam uma combinação de hardware local e hospedagem na nuvem. Existem vários motivos pelos quais uma empresa pode escolher uma nuvem híbrida. Isso pode ser parte de uma transição incremental para uma nuvem pública. Também pode ser uma necessidade regulatória ao manter materiais confidenciais no hardware local.


  • Intercloud: enquanto uma multicloud reúne duas ou mais nuvens diferentes para uso na mesma organização, uma configuração de intercloud mescla ativamente os dados em várias soluções de nuvem. Isso é semelhante a um ambiente de nuvem híbrida em que dois ou mais sistemas estão trabalhando juntos, mas a diferença aqui resulta do fato de que todos os sistemas residem na nuvem.

Qual configuração é adequada para você? Tudo depende do que você precisa. Fatores práticos, como necessidades regulatórias e orçamento, também devem ser considerados em relação a questões técnicas, como latência e acessibilidade.

Considerações de uma estratégia multicloud

Ao observar o caminho para uma estratégia multicloud, os departamentos de TI devem avaliar os elementos críticos de sua organização para ver se é a escolha certa para suas necessidades específicas. Faça estas quatro perguntas para definir os objetivos da sua organização:

Existe um serviço de nuvem para sua necessidade?

Este é provavelmente o maior motivo para selecionar um provedor de nuvem como parte da estratégia. Basicamente, o plano de adoção da nuvem atende facilmente aos objetivos? Voltando à analogia sobre serviços de streaming de TV, isso é o equivalente em TI como “Contratei um serviço de streaming por causa de um programa que quero assistir”. Nesse caso, é um serviço ou função que sua organização deseja e não pode obter em outro lugar (ou as opções de outros provedores drenam recursos/custam caro/não são tão flexíveis, etc.) e pode ser implantado de forma que funcione com o ambiente existente.

É possível alcançar a interoperabilidade?

A nuvem moderna é construída para interoperabilidade. Para multicloud, isso destaca a necessidade de integrar redes e o gerenciamento de identidade. Ao atender a essas necessidades, uma configuração multicloud permite uma comunicação suave entre as nuvens de uma forma que minimiza os obstáculos logísticos para os usuários e para o gerenciamento. A utilização de padrões abertos é fundamental para alcançar a interoperabilidade. Um bom exemplo disso é fornecer suporte para uma tecnologia de código aberto popular, como o Terraform, que é uma plataforma de "infraestrutura como código" de código aberto. As conexões de baixa latência entre nuvens também são muito importantes para garantir uma operação tranquila para tipos críticos de cargas de trabalho.

No entanto, isso nem sempre é viável e alguns serviços em nuvem ainda permanecem isolados de outros. Quando várias soluções de nuvem deixam de operar de forma sincronizada, isso cria todos os tipos de obstáculos - desde uma simples drenagem de recursos até causar problemas e gargalos nos fluxos de trabalho. Se o serviço de nuvem cria mais problemas do que resolve, então não é a escolha certa para uma configuração multicloud.

Cabe no seu orçamento?

O aspecto prático da integração de qualquer plataforma de TI é o orçamento. Economiza tempo e esforço suficientes para compensar o custo? E se não for algo que caiba naturalmente no seu orçamento, existem outros recursos que podem ser reduzidos para que isso aconteça? Ou você pode mostrar que o serviço de nuvem oferece valor suficiente a ponto de você poder exigir mais? E depois de habilitar um ambiente multicloud, é possível monitorar com eficácia todas as variáveis de custo para evitar estourar o orçamento? Essa última pergunta também está relacionada à questão da interoperabilidade - com as APIs certas, um serviço em nuvem pode ser integrado a outras ferramentas que fornecem uma visão geral do uso, dos recursos e do orçamento, tornando mais fácil garantir que tudo esteja dentro dos limites da organização.

Há preocupações com a segurança ou governança?

No mundo moderno orientado por dados, a segurança é sempre uma das principais preocupações. Em um ambiente multicloud, desafios novos e exclusivos podem surgir, muitas vezes vinculados à ideia de interoperabilidade. A autenticação e autorização são fundamentais: se forem limitadas a um provedor específico, podem criar um efeito cascata de problemas de acesso. Além disso, todas as APIs devem funcionar para minimizar o risco para as várias nuvens e a infraestrutura como um todo, além de que uma visão de gerenciamento holística deve estar disponível para minimizar o risco e garantir a governança adequada sobre os dados. Dada a interoperabilidade adequada, as ferramentas de registro em log, observabilidade e gerenciamento de segurança podem funcionar em todas as nuvens para agilizar esse esforço.

Casos de sucesso de clientes multicloud

A Oracle Cloud Infrastructure foi usada por organizações de todos os portes com diferentes necessidades exclusivas para fornecer uma plataforma IaaS como parte da estratégia multicloud. Veja algumas das histórias de sucesso de clientes da Oracle no mundo da multicloud.

Murad

A Murad é uma marca de cosméticos reconhecida mundialmente, que se destaca no mercado com produtos e tratamentos com base científica. A empresa reconheceu que o modelo de negócios complexo precisava de operações de back-office mais rápidas nas plataformas de ERP, SCM, planejamento e BI. A Murad também buscou reduzir custos e aliviar o gerenciamento de hardware, ao mesmo tempo em que aumentava a continuidade dos negócios. Em última análise, a Murad integrou a infraestrutura em nuvem da Oracle como parte de uma solução multicloud para trabalhar com a AWS, resultando em uma melhoria de 30% no desempenho.

Imagem do SI Group
SI Group

Por mais de 100 anos, o SI Group impulsionou inovações em química. Com mais de 2.800 produtos fornecendo bens industriais e de consumo, as necessidades de dados do SI Group eram significativas e abrangiam todos os grupos dentro da organização. A empresa buscou aumentar a largura de banda multicloud enquanto reduzia o custo geral e aumentava a eficiência. Para isso, o SI Group usou a solução SD-WAN da Oracle.

Tanium

A Tanium, fornecedora de gerenciamento de endpoint e segurança para ambientes de TI complexos, buscou um parceiro para trabalhar com a plataforma SaaS, conhecida como Tanium-as-a-Service. A Tanium precisava de um parceiro que oferecesse segurança integrada robusta e alta disponibilidade com preço-desempenho forte para ajudar seus clientes a proteger melhor seus ambientes de TI. Por fim, a Tanium escolheu a Oracle Cloud Infrastructure para a estratégia multicloud, permitindo a expansão da base de usuários com soluções a preços competitivos e infraestrutura zero.

TruGreen

TruGreen é a maior empresa de manutenção de gramados dos Estados Unidos, com 13.000 funcionários em todo o país. Quando a TruGreen se desvinculou de sua empresa controladora, a transição marcou uma oportunidade de transgredir um sistema legado JD Edwards e outras soluções de banco de dados obsoletas. O objetivo era mudar para uma plataforma moderna que unificou e simplificou os processos, mantendo os investimentos legados necessários. Por fim, a TruGreen escolheu a Oracle Cloud Infrastructure devido ao forte histórico da Oracle em fornecer soluções de infraestrutura como serviço e plataforma como serviço em uma abordagem de nuvem híbrida.

A multicloud oferece soluções flexíveis e voltadas para o futuro

Em um mundo com muitos serviços e soluções baseados em nuvem, um ambiente multicloud costuma ser a escolha certa para as organizações equilibrarem preço, desempenho e agilidade. A Oracle Cloud Infrastructure oferece suporte a soluções robustas de várias nuvens, permitindo um gerenciamento mais simples e, ao mesmo tempo, minimizando complicações de integração e riscos de segurança.